casado

Ver perfil


RSS


Façam-me Feliz

Google

Fogueira de Vaidades

Comercial.mp3
Antena3.mp3
JornalismoPortoRád...

visitas obrigatorias

casado

Diário de bordo 6346...

Diário de bordo 3635...

Diário de bordo 345

Diário de bordo número qu...

Diário de bordo...4

Diário de bordo...3

Diário de bordo...2

Diário de bordo...

Mas que raio....

Mais uma mulher na minha ...

casado

Quarta-feira, 21 de Setembro de 2005
Como fazer com que a filha deixe de chuchar no dedo. 1ª tentativa- Gozar com ela….

- Se continuares a pôr o dedo na boca vais ficar com a boca assim, toda puxada para a frente e não vais conseguir falar como deve de ser - passei a exemplificar - vaix chalal axim e inguem te vai echeber.
- É mentira. Não vou nada.
- Vais sim. Aposto que não consegues dizer carapau frito, por causa da boca já estar axim.
- Consigo pois. Calapau flito.
- HAHAHAHAHA. Vês como não consegues? VAIS FICAR COM A BOCA TORTA…..VAIS FICAR COM A BOCA TORTA- digo-lhe eu, enquanto corro à volta dela.
- NÃO GOZES COMIGO. - diz ela, enquanto me tenta apanhar.
- Não consegues dizer Carapau Frito. Vais ficar com a boca axim. Nham....nhan.....nhamm.
Ela pára de correr, concentra-se e diz:
- CARAPAU FRITO. Vês? Consegui. Não vou nada falar mal.
- Isso é porque ainda não tens a boca muito para a frente, mas se continuares a pôr o dedo na boca, vaix chalal axim.
- Não vou nada. Consigo dizer carapau frito. Só tenho é que me esforçar.
- Mas aposto que não consegues dizer otorrinolaringologista.
- Consigo pois. Otorinagista....otinogista.....otolangista….
- Não consegues….Não consegues.....Já tens a boca torta.....Já tens a boca torta…nhamm….nhammm….nhammm…
- Pai, não gozes comigo. Por favor.
- Está bem. Deixa de pôr o dedo na boca e eu não gozo mais.
- Eu hoje já não ponho mais o dedo na boca.
- Não é só hoje. Sempre que tu puseres o dedo na boca, eu vou gozar contigo.
- E se eu fizer um desenho especial, só para ti? Deixas de gozar comigo? Por favor….- diz-me, com olhos chorosos e um beicinho de partir o coração.
Resultado: Para todas as pessoas que me perguntam se sou alto, baixo, gordo, magro, lindíssimo ou só bonito, e que me fazem perguntas semelhantes sobre a minha filha, apresento de seguida uma cópia (quase) fiel do meu aspecto e do da minha filha ou, como eu lhe chamo, “O Desenho Especial”. De salientar que a mãe não aparece, porque, de acordo com a explicação que a nossa filha lhe deu: “Tu não gozaste comigo, só o pai, por isso, olha…não te desenho.”


Perante a visão dos factos acima desenhados, não posso deixar passar em claro, as insinuações, que por aqui pululam (mais uma palavra que sempre quis escrever no blog), de que o casado é um gordo, um pançudo e mais uma série de outros adjectivos, que em nada contribuem para a minha felicidade (beicinho de partir corações). Fico à espera das merecidas desculpas. Apenas dois pequenos reparos: O auto-retrato da minha filha está muito pouco representativo da sua beleza e eu tenho um pouco mais de cabelo.

publicado por Luis às 13:49
link do post | comentar | favorito
|

Olha! O Livro!


Agora em versão digital! Com mais posts por muito menos Euros!

livro

À venda em todas as lojas da Amazon!

blogs


referer referrer referers referrers http_referer




pesquisar