casado

Ver perfil


RSS


Façam-me Feliz

Google

Fogueira de Vaidades

Comercial.mp3
Antena3.mp3
JornalismoPortoRád...

visitas obrigatorias

casado

Diário de bordo 6346...

Diário de bordo 3635...

Diário de bordo 345

Diário de bordo número qu...

Diário de bordo...4

Diário de bordo...3

Diário de bordo...2

Diário de bordo...

Mas que raio....

Mais uma mulher na minha ...

casado

Terça-feira, 13 de Julho de 2004
Curso de Culinária.....
A culinária, como aliás já referi, não é um dos pontos fortes da minha mulher, embora penso que tem vindo a melhorar. Gosta muito de inventar e nunca, mas nunca segue uma receita, os seus doces nunca são doces e uns famosos cogumelos gratinados não me vão nunca sair da memória estomacal (antes que começam a mandar vir e a perguntar porque razão não sou eu a cozinhar, digo já o porquê: PORQUE ELA NÃO ME DEIXA, diz que gosta de cozinhar e por mais que eu diga que eu gosto de comer, não adianta). Assim, quando num destes dias me disse que se ia inscrever num curso de culinária fiquei contente mas ao mesmo tempo desconfiado. “Um curso de culinária? Mas porquê se tu gostas é de inventar.” Perguntei eu. “Mas este é diferente. É um curso de culinária vegetariana.” Confesso que fiquei atordoado com a resposta. “E só custa 90 Euros.” Continuou ela. Aí cambaleei um pouco e tive que me segurar a algo para não cair ao chão. “90 euros por um curso de culinária vegetariana?” Consegui balbuciar no meio da minha fraqueza. “Sim, mas não te preocupes que é só durante o fim-de-semana e temos o direito de levar o jantar de sábado e domingo para casa.” Continuou ela sem reparar no meu eminente desmaio. Só me recordo de dizer “Que bom” antes de cair para o chão. Quando recuperei os sentidos, ela ainda estava com o mesmo sorriso nos lábios: “Então, tens que ter mais cuidado com o stress do trabalho, vê-se mesmo que estás a precisar de férias.” 90 EUROS POR UM CURSO DE CULINÁRIA VEGETARIANA E AINDA POR CIMA TRAZ AS EXPERIÊNCIAS PARA CASA PARA EU COMER. ISSO É LEGAL? QUANDO O PADRE FALOU NA SAÚDE E NA DOENÇA NÃO ACRESCENTOU “NESTE CONTRATO TODAS AS DOENÇAS PROVOCADAS POR MÁ UTILIZAÇÃO DE ALIMENTOS ESTÃO AUTOMATICAMENTE INCLUÍDAS NO ITEM DOENÇAS” NÃO ME LEMBRO DE OUVIR ESSAS LETRAS PEQUENINAS NO CONTRATO DE CASAMENTO.
Ok, tenho que me acalmar, pensei eu. Certamente que já passei por coisas piores, embora não me esteja a lembrar de nenhuma. “Então e tens a certeza que esse curso é bom? Olha que 90 euros por um fim-de-semana é muito dinheiro.” Disse eu da forma mais meiga que me era possível. “ESTÚPIDO, nunca me deixas fazer nada do que eu gosto” disse ela dando a resposta automática que as mulheres têm para dar nestas ocasiões, tenham ou não razão. “Olha que vai lá muita gente nossa conhecida” e começou a citar nomes de homens que viviam sozinhos e de mulheres solteiras, ou seja, tudo pessoal habituado a comida micro-ondas. Escusado será dizer que voaram 90 euros da nossa conta e que passei a ter no vocabulário culinário novos termos (Arrrghhhhhh, Tofu, Sabemal, Belharque, Seitã, Quecoisaéesta, etc.).
publicado por Luis às 21:45
link do post | comentar | favorito (1)
|

Olha! O Livro!


Agora em versão digital! Com mais posts por muito menos Euros!

livro

À venda em todas as lojas da Amazon!

blogs


referer referrer referers referrers http_referer




pesquisar