casado

Ver perfil


RSS


Façam-me Feliz

Google

Fogueira de Vaidades

Comercial.mp3
Antena3.mp3
JornalismoPortoRád...

visitas obrigatorias

casado

Diário de bordo 6346...

Diário de bordo 3635...

Diário de bordo 345

Diário de bordo número qu...

Diário de bordo...4

Diário de bordo...3

Diário de bordo...2

Diário de bordo...

Mas que raio....

Mais uma mulher na minha ...

casado

Segunda-feira, 30 de Agosto de 2004
A viagem de regresso…..
Sempre que entramos em Portugal, fico com aquela ansiedade de saber as notícias o mais rapidamente possível, pois, secretamente, tenho a esperança que as coisas tenham mudado radicalmente e que sejamos um verdadeiro jardim à beira mar plantado, assim, mal consegui apanhar as rádios portuguesas tive um susto enorme, pois pensei que realmente as coisas tinham mudado e estava tudo maluco, eis um extracto do que ouvi (com as devidas dificuldades dada a distância a que ainda nos encontrávamos da fronteira): “A marcar a actualidade nacional….a vinda do barco do a…or…..o governo já fez saber……..a oposição……iniciativa muito positiva….” MAS O QUE É ISTO? NÃO SÃO NOTÍCIAS DE INCÊNDIOS OU SOBRE AS INCOMPETÊNCIAS GOVERNATIVAS E/OU PARTIDÁRIAS. NÃO. A GRANDE NOTÍCIA É A VINDA DO BARCO DO AMOR A PORTUGAL. Muito estranho. Um dos meus livros de férias tinha sido “Felicidade®” onde toda a sociedade fica alterada após a leitura de um livro de auto ajuda. Querem ver que aconteceu algo de parecido com os habitantes do meu país? Pensei que iríamos ter moçoilas a entregarem-nos flores à fronteira, que nos iam dar cupões gratuitos para atestar o carro de gasóleo, que iria ver na televisão o Santana Lopes e o Pacheco Pereira a cantarem juntos “Vamos fazer um mundo melhor.” O Paulo Portas e o Mário Soares a dançarem um belo tango argentino. A minha sogra a emigrar para o Zimbabué, etc.. Infelizmente, quando consegui apanhar correctamente a rádio apercebi-me que afinal a polémica era outra, tudo devido a um chamado barco do aborto, no inicio pensei que viessem despejar mais políticos de outros países para aqui fazerem carreira, mas afinal não. Tanta polémica por uma questão que já há muito deveria de estar resolvida, simplesmente despenalizando o aborto e introduzindo uma EDUCAÇÃO SEXUAL EFECTIVA E SEM PRECONCEITOS EM TODAS AS ESCOLAS, entre outras medidas (algumas foram muito faladas quando da realização do referendo mas depois, nada. Preferimos continuar a olhar para o lado e deixar as coisas correrem). Porra, eu não conheço ninguém, nem de direita nem de esquerda, que seja favorável ao aborto, conheço sim pessoas favoráveis à sua despenalização (onde me incluo) e outras que nem por isso. Eu nem consigo imaginar o sofrimento da mulher que o pratica e ainda por cima temos que a sujeitar a uma humilhação pública? O tempo da inquisição já passou. (Não irei responder a qualquer comentário sobre este assunto, aliás, agora que me lembro, tenho um horrível defeito, raramente respondo aos comentários que me fazem. Paciência, sou tímido por natureza….)
Bom, continuando. Outra notícia que ouvi referia-se à continuação da experiência científica que está a ser desenvolvida pelo nosso ministério da educação (falo dos concursos de professores) a qual tem por objectivo: analisar a capacidade de sofrimento dos professores portugueses e ver quantos é que conseguem resistir a um esgotamento ainda antes de iniciarem as aulas. Eu estou totalmente de acordo com este estudo. Afinal, o que se exige a um professor nos dias de hoje não tem nada a ver com o que era exigido nos meus tempos de aluno. Agora um professor tem que ter uma capacidade mental superior e por isso têm que ser bem filtrados. Nada melhor para isso do que fingir que existem erros informáticos (como se eu acreditasse que um software que custou milhares de contos pudesse ter erros informáticos, até parece que estamos a falar da Microsoft) que não existem responsáveis por isso (como se eu não soubesse que aqui, em Portugal, a pessoas são responsabilizadas pelos seus erros). TONHOS, EU DESCOBRI O VOSSO JOGO. O vosso objectivo é enlouquecerem o maior número possível de professores para que só os melhores fiquem, aumentando deste modo a qualidade do ensino em Portugal e contribuindo para que daqui a uns anos sejamos, em termos de educação, uma referência não só na Europa mas também no mundo.
publicado por Luis às 00:51
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De M!a a 20 de Janeiro de 2009 às 19:14
Pois e educacao sexual e pa pila --'

Dai que uma colega minha achava que o gajo se vinha pra o preservativo e so depois e que fodia.
De me fazerem constantemente perguntas sobre isso, sendo eu apenas uma virgem informada e auto didacta -.-

E dai tambem deve vir o facto de muita conversa de balneario ser dumas inconscientes que andaram a foder sem preservativo ou qualquer outro metodo contraceptivo, e que podiam tar gravidas, nao falando das doencas.

Mas esta gente deve pensar como o meu pai que acha que os jovens so precisam de computadores aso 18 anos quando ate putos de 6 anos ja teem os seus Magalhaezinhos.

Comentar post

Olha! O Livro!


Agora em versão digital! Com mais posts por muito menos Euros!

livro

À venda em todas as lojas da Amazon!

blogs


referer referrer referers referrers http_referer




pesquisar